terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Resenha: O Extraordinário - R.J. Palacio


Título Original: Wonder
Autor (a): R.J. Palacio
Editora: Intrínseca
Páginas: 320

SINOPSE: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência um, ele é um menino igual a todos os outros. 


August Pullman  é um menino de dez anos que gosta de brincar, ler e correr como qualquer outro menino da sua idade, a única coisa que o faz ser “diferente” dos outros é uma síndrome genética com a qual ele nasceu e fez com que precisasse de várias cirurgias.


Por causa de todos os procedimentos , Auggie  nunca frequentou uma escola de verdade com professores, armários e outros alunos até agora que os pais resolveram o mandar à Beecher Prep  para fazer o quinto ano.

Além do nervosismo com a nova escola, normal de qualquer aluno, Auggie enfrentará um local cheio de pessoas que estão preparadas para julga-lo pela aparência e não pela alma. Mas para enfrentar tudo ele contará com seus pais, Via, Justin, Jack, Summer e Sr. Buzanfa, entre outros que vão perceber que o interior é que importa de verdade.


 Uma história repleta de personagens queridos, com muitos diálogos engraçados e situações que o faz pensar na vida.

Não há como lê-lo sempre se tornar mais humano.

Narrado por diversas pessoas faz com que tenhamos diferentes pontos de vistas de uma situação que, infelizmente, é tão frequente: o bullying.

Todos deviam ler “Extraordinário” uma vez na vida e aprender com Auggie a lição mais importante da vida: “A grandeza não está em ser forte, as no uso correto da força... Grande é aquele cuja a força conquista mais corações...”

Alguém já leu essa linda e emocionante obra? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião nos comentários!

Tecnologia do Blogger 2014-2016